quarta-feira, 27 de março de 2013

Energia solar vale a pena na hora de esquentar o chuveiro

energia-solar-residencial


O mundo evolui cada vez mais rápido a nível tecnológico, foram introduzidas nos últimos anos uma séria de novas tecnologias no aproveitamento de energias renováveis como é o caso da energia solar térmica e fotovoltaica.

No Brasil, ainda é muito caro transformar o calor do sol em energia elétrica, demorando quase 15 anos para se obter retorno financeiro, ainda mais com o desconto na conta de energia elétrica proposto pela presidente Dilma Rousseff no começo deste ano aumentou o tempo de retorno do investimento.

Aquecimento-Solar-Residencial-sustentabilidade


Uma sugestão para quem quer economizar é a adoção de painéis solares que se limitam a transformar a energia do sol em calor para esquentar a água do chuveiro. Embora não gerem energia elétrica, esses aquecedores solares têm retorno de investimento em três anos, e são usados para esquentar a água do chuveiro, responsável por consumir 20 a 30% da energia de uma casa.

Vantagens

- A energia solar não polui durante o seu uso.

- As centrais necessitam de manutenção minima.

- É cada vez mais uma solução economicamente viável.

- É excelente em lugares de difícil acesso porque a sua instalação não obriga a grandes investimentos em linhas de transmissão.

- Em países tropicais a utilização de energia solar e viável praticamente em todo o território.

Desvantagens

- Existe variação nas quantidades produzidas de acordo com a situação climatérica (chuvas, neve), além de que durante a noite não existe produção alguma, o que obriga a que existam meios de armazenamento da energia produzida durante o dia em locais onde os painéis solares não estejam ligados à rede de transmissão de energia.

- Locais em latitudes médias e altas (Ex: Finlândia, Islândia, Nova Zelândia e Sul da Argentina e Chile) sofrem quedas bruscas de produção durante os meses de Inverno devido à menor disponibilidade diária de energia solar. Locais com frequente cobertura de nuvens (Londres), tendem a ter variações diárias de produção de acordo com o grau de nebulosidade.

- As formas de armazenamento da energia solar são pouco eficientes quando comparadas por exemplo aos combustíveis fósseis (carvão, petróleo e gás), e a energia hidroeléctrica (água).

- Os painéis solares têm um rendimento de apenas 25%.

Postagem por: George Sousa
Notícia de: Engenharia é

Nenhum comentário:

Postar um comentário